quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Muita coisa num curto espaço de tempo.





Oi amores.
Tanta coisa aconteceu, mas vou tentar resumir pro post não ficar muito longo.

No dia 07/10 Isaac foi ao seu primeiro rodizio de pizza e massa. Calma, não fui louca de dar pizza pro bb.
É que o maridão me convidou pra ir ao shopping comer uma pizza e rapdamente arrumei o bb e fomos. Isaac adorou a agitação da pizzaria. Ele olhava pra todos os lados maravilhado com aquele monte de gente. Ele fez uma bagunça. Era lindo ver o rostinho de felicidade do meu pitico.
Lá ele experimentou refrigerante na chupeta e odiou. Comeu muito franguinho desfiado e experimentou talharim.
Foi uma noite muito agradavel e no fim da noite ganhei um celular de presente. Diz o marido q já é meu presente de niver. Eu estava realmente precisando de um celular pq o meu morreu naquela semana.
No dia 08/10 eu notei q o Isaac estava mais chatinho e q alguma coisa estranha estava acontecendo. Achei q ele estava pra ficar resfriado, mas não era nada grave. Ele toma vitamina C desde os 4 meses, então fiquei tranquila. Os dias foram passando e o Isaac parecia bem, mas qndo a noite chegava ele ficava estranho, como se estivesse no inicio de um resfriado.
Na madrugada do dia 16/10 eu acordei assustada como se algo grave estivesse acontecendo e fiquei olhando o isaac dormir qndo de repente percebi q ele estva com dificuldade pra respirar e comecei a gritar meu marido. Só lembro q eu dizia q o bb tava sufocando e meu marido sentou na cama e continuou dormindo sentado.
Peguei o Isaac e percebi q ele estava com o nariz entupido. Pinguei soro, ele chorou bastante, mamaou um pouco e depois se acalmou. Ele começou a tossir varias vezes seguidas.
Quando amanheceu corri pro hospital com ele. O medico fez um RX e viu q o caso era a tal bronquiolite de volta. Fiquei tão triste.
O medico receitou a inalação alem de um medicamento e pediu pra que eu retornasse dois dias depois.
Seguimos tudo do jeito q foi mandado, mas o Isaac só piorava. Eu ficava cada vez mais nervosa e o q me chateava demais era o meu marido me dizendo q aquilo não era nada, q criança era assim e q estava tudo bem. Me senti sozinha.
Chegou o dia de levar o Isaac de volta ao medico, infelizmente era dia das crianças, o primeiro dia das crianças da vida do meu filho, um feriado q poderiamos ter dedicado a fazer meu bb muito feliz.
Eu já cheguei ao hospital com um nó na garganta, uma vontade enorme de chorar.
Meu bb estava pessimo e meu marido buzinando no meu ouvido q o menino não tinha nada e q se o medico quizesse interna-lo não era pra eu deixar pq ali internavam por qualquer coisa... afff
Imaginem a minha situação, eu toda preocupada e ainda tendo q ouvir essas besteiras. Eu sabia q meu bb tava mal.
Pra vcs terem noção, eu saí de casa com a malinha dele pronta para internação. Levei tudo q ele precisava, só não levei mnhas coisas pq seria muito peso pra levar no onibus.
O medico pediu outro RX, examinou o Isaac com cuidado, me fez varias perguntas e pediu pra q fizessemos 2 inalações e depois voltasse nele.
Parecia q meu bb estava entendo o q estava acontecendo.
Enquanto o médico me explicava o q estava acontecendo o Isaac não parava de gritar. Ele não quis brinquedo, não quis peito, não tinha o q fizesse o menino parar de gritar.
Depois de ver o rx e examinar o Isaac novamente,o medico começou a preparar a internação e meu bb teria q ficar ali naquele hospital bem no seu primeiro dia das crianças.
Fui falar com meu marido q o Isaac teria q ficar internado e ele fez aquela cara triste.
Eu tentando me segurar... não aguentei e chorei, chorei na frente de um monte de gente. Tentei não deixar o Isaac me ver chorando, mas toda vez q eu olhava pra ele eu chorava.
Tudo pronto, fomos fazer o acesso venoso na mãozinha dele. Ele chorava de um lado e eu do outro. Foi muito doloroso pra mim ver meu bb naquela situação. Toda vez q eu olhava aquilo na maozinha dele eu chorava. Fomos pra enfermaria e vi cenas q preciso alertar aki.
Vi mulheres deixando seus filhos mamarem em mulheres q elas tinham acabado de conhecer.
Absurdos q acontessem na rede publica de saúde.

Não deixem que outras pessoas amamentem seu bb no seio. O leite materno transmite HIV e outras doenças.


Não posso me queixar do atendimento q deram ao meu filho, mas o atendimento aos acompanhantes era humilhante. Nem quero falar sobre isso.
Durante todo o dia 12/10 o hospital recebeu visitas de pessoas q levaram presentes para as crianças. Apareceu por lá um grupo de palhaços q fizeram a alegria da criançada.
Isaac saiu de lá com varios presentinhos e nem deu bola pros palhaços.
Na primeira noite no hospital eu peguei uma gripe fortissima e na manha seguinte a pediatra passou para ver os pacientes e dar alta hospitalar pra alguns. Pra minha tristeza meu Isaac teria q continuar no hospital, mas ele foi tirado do soro e tomaria medicação via oral.
Como eu não me aguentava em pé fui conversar com as enfermeiras e disse q eu iria assinar o termo de responsabilidae e levaria o Isaac pra casa pq eu não estava me aguentando em pé.
O médico me chamou na sala dele pra uma conversa e me perguntou o pq eu faria aquilo.
Eu expliquei q estava doente e não tinha condiçoes de cuidar do Isaac. Ele resolveu dar a alta, já q o remedio seria tomado via oral eu poderia dar em casa.
Cheguei em casa sem nem conseguir cuidar do meu filho. Meu marido q cuidou de nós.

No dia 15/10 seria nossa festinha do dia das crianças na igreja. Eu já havia comprado o uniforme do Isaac, mas não sabia se poderiamos ir. Isaac melhorou um pouco e lá fomos nós pra festinha.
Isaac não curtiu muito, ele ainda não estava totalmente recuperado. Eu tbm estava bem malda gripe, mas eu queria muito ir. Eu me diverti muito. Os adultos viraram criança e foi a maior curtição.
Hoje o Isaac ainda não está totalmente recuperado. A tosse diminui e qndo eu penso q vai sumir ela volta. Mas hj eu já não choro mais. Estou mais calma pq meu bb está bem melhor, mas foram dias de trevas.

Amores, vcs não vão acreditar, mas Isaac voltou do hospital com as baterias recarregadas. Agora ele cismou q sabe andar e endurece as perninhas pra gente não conseguir sentá-lo. é uma briga em casa. Tem q ver a carinha dele de orgulho qndo fica em pé e dá seus passinhos, claro q com a gente segurando. Dança o tempo todo. Beja babado. Agarra meu rosto e me enche de baba. É uma delicia.

No proximo post mostro a foto da festinha.
Bjs.





8 comentários:

Anjinho disse...

Imagino o qnto tenha sido difícil para vcs terem o seu bb assim dodói, mas, o melhor q tdo deu certo.
Deus é fiel!
Qnt a pizzaria......rsrs imagino a alegria do pequeno.
mas, uma perguntinha, vcs ñ tem plano de saúde, ou pelo menos ele?
amiga, um plano nem q seja local para bbs ñ é tão caro, sei lá...se fosse vcs veriam a possibilidade de pagar um para ele.
a saude publica de nosso país ñ é mto confiável.
aff!
bju grande.

Ane disse...

Imagino o seu sofrimento, querida! Mas vc se mostrou uma mãe atenta e presente em todo esse momento de crise!!!! Tô rezando pela recuperação do seu baby, viu? Logo ele estará 100%, andando por tudo!!!!
Beijos

Alessandra Tavares disse...

Oh amiga..... que sufoco hein. Credo. Sonhei com vc e nem sabia que vc tava passando por isso tudo. Espero que o pititinho esteja melhor viu. Vou rezar por vcs. O bom é que ele voltou com fôlego total né. E tá cada dia maior e mais lindo. Parece bb de um ano, de tão esperto. Qualquer coisa grita viu. Estaremos aqui fazendo um pensamento positivo por vcs e rezo todos os dias por vcs viu. Pode acreditar.
Beijos e fiquem com Deus.
Alê e Matheus

Cláudia Leite disse...

Que dias difíceis vcs passaram ein! É terrível para uma mãe ver seu pequeno numa situação assim.
E que descaso do hospital com vc. Passei a noite no hospital com a Bella numa cadeira, ela tomando soro no meu colo e já foi difícil, imagine doente.

Estou torcendo pra completa recuperação de vcs, e fico feliz que tudo esteja melhor agora.

bjo!

Jéssica Araújo disse...

Aii que nojo, nao consigo nem pensar em ver a laura mamando em outro peito. beijo no lindao

Jéssica Araújo disse...

Aii que nojo, nao consigo nem pensar em ver a laura mamando em outro peito. beijo no lindao

Pris Scheidegger disse...

Amiga, que situação!! Minha prima tb tá passando um perrengue... mas o do bebê dela foi bem mais sério, tanto que ele já está há 9 dias no hospital e ainda vai ficar, pelo menos, mais 5...é muita dor... imagino o que vc sentiu...
Bem, mas fico feliz que tudo tenha passado e que o Isaac tá melhor. Que Deus o proteja sempre. Bjsss

Mamãe Cristã disse...

Ai flor, então era eu e vc sofrendo no dia das crianças com essa bronquiolite né! Dessa vez a Kamila não precisou ficar internada, mas no inicio do ano ficou e eu sei como é horrível, doloroso pra gente e cansativo! Graças a Deus que ele está se recuperando bem, é realmente horrível ver eles assim! Beijos